Sou apaixonado pelo American Pit Bull Terrier 09/01/2015

oqsapbt

Sou apaixonado pelo American Pit Bull Terrier, sem dúvida essa raça pura está muito bem definida em minha mente, como história, como padrão e como indivíduo.

Tenho observado nessas últimas décadas que muitos dos relatos sobre o pit bull (APBT) surgem de pessoas que não o conhecem ou ignoram parte de sua essência (história, padrão e indivíduo). Eu me apaixonei pela integralidade do APBT, não apenas por uma parte, sou aficionado por ele por completo. As modas veem e passam, os mitos não perduram por muito tempo como verdades, e por fim, os inimigos só se posicionam contrários a eles até o dia que tiverem coragem de enfrenta-lo e vão descobrir um cachorro maravilho e tipicamente socializado, pronto para satisfazer um dono digno e apto a portar e conviver com um cão diferenciado como o APBT.

Sou apaixonado pelo APBT, pois conseguiu passar pela história e deixar registros inigualáveis, um grande combatente, um fiel amigo, um exemplo em seu país de origem, EUA. Uma história de muitos capítulos, mesmo surgindo no meio dos combates, hoje sua beleza é vista na sua versatilidade e poder de adaptação em qualquer atividade que o homem queira socializa-lo. Sou apaixonado pelo APBT, pois de fato conseguimos ver através da história um padrão racial bem elaborado e que aos poucos, anos após anos, vem sendo desenvolvido e gerando ícones para a raça, verdadeiras obras de arte, sua beleza facilmente é percebida, mesmo no meio de outras raças puras, o combatente, forte e destemido sempre ressaltará. Sou apaixonado pelo APBT, porque é um animal que na sua individualidade é extremamente carinhoso, afetuoso, brincalhão e fiel com o seu dono. Ele pode me acompanhar em muitas aventuras, se adapta no meu estilo de vida, ao ponto de se anular em muitos casos, mas tudo isso para me agradar. Conviver com um cão dessa raça é um privilégio, infelizmente é um privilégio de poucos, pois as pessoas não querem estudar sua história, defender seu padrão e muito menos respeitar sua individualidade.

Sou apaixonado pelo APBT, conheço e me admiro da sua história. Sou estudioso e sinto-me no direito de preservar o padrão racial dessa raça por seleções legais e compatíveis com o APBT, e por fim, respeito o animal como animal, como ser vivo, ele me dar o melhor, por isso dou o meu melhor para ele. Amo o American Pit Bull Terrier!

Marcello Viktor Cavalcanti Morais,
criador e apaixonado pela raça desde 1994,
CGD Kennel,
09 de Janeiro de 2015.